Quarentena Musical – [Dia 176] – Warzone – Don’t Forget the Struggle, Don’t Forget the Streets

Um nome dos mais relevantes dentro do hardcore punk e grande responsável por tornar evidentes alguns subgêneros do estilo na cena, o Warzone foi uma banda que uniu públicos distintos e deixou uma história muito rica, sempre contando os episódios do que era viver em New York em uma época bem diferente da atual.

Em 1983 surge para o mundo, mais precisamente em Lower East Side em Manhattan, o grande e sempre lembrado Warzone. Com um som que trafegou entre o hardcore skinhead e o youth crew, o disco de estreia dos caras veio ao mundo em 1987, quatro anos após o surgimento do projeto musical. Esse foi chamado de “Don’t Forget the Struggle, Don’t Forget the Streets” lançado pela Fist Records e recentemente foi relançado pela Revelation, onde é encontrado em catálogo.

Não há muito a falar desse álbum a não ser que ele é fundamental para a cena hardcore e é uma base importantíssima para o que viria a ser chamado de “New York Hardcore”. Com um disco rápido, ótimos riffs de guitarra, letras que falam as verdades que estavam nas ruas e hinos que marcaram uma geração, “Don’t Forget the Struggle, Don’t Forget the Streets” é um disco que tem mais que atitude: tem uma mensagem poderosa e registra um estilo de vida que era vivido ao limite pelos integrantes da banda.

Algumas faixas desse álbum são memoráveis e empolgantes como a sequência “Intro Bust” + “It´s Your Choice”, “Crazy But Not Insane”, “As One” (um dos maiores clássicos da banda), “Fuck Your Attitude”, “We’re the Crew”, “Don’t Forget the Struggle, Don’t Forget the Streets”, “In the Mirror”, “Judgement Day” e “Fighting For Our Country”.

Enquanto o Warzone esteve ativo, foram gravadas obras maravilhosas e sua fase na Victory Records também é muito boa e recomendada. Infelizmente a voz da banda e único membro original Ray Barbieri faleceu em 11 de setembro de 1997 por conta de uma pneumonia. Com isso o fim do importante grupo foi decretado.

Esse post é uma homenagem a Barbieri, no dia em que se completam 23 anos sem a sua presença. RIP.

Você pode ouvir esse disco nas principais plataformas digitais.

E amanhã mais uma indicação, fiquem ligados no Popsfera! PMA!

Avalie a matéria

Renan Rennxxx

Fã incondicional de quadrinhos dos anos 90 (maior década), colecionador de quadrinhos, LPs e Straight Edge desde 1987. Gibis no acrílico, pizza e Anaheim Ducks são outras paixões. PMA sempre!