The Boys S02E07 – “Butcher, Baker, Candlestick Maker”

Antony Starr, o Capitão Pátria da série The Boys, já tinha avisado no Instagram que os dois episódios finais da segunda temporada funcionavam como um filme – um com todos os tipos de emoções. A julgar pelo que tivemos nesse sétimo episódio, ele não exagerou, pelo contrário: o que tivemos foi uma verdadeira montanha russa de momentos WTF!

O episódio já abre com o impacto dos discursos de Tempesta sobre as pessoas comuns. A politização dos temas em The Boys vem desde a primeira temporada e seguem sem vergonha nenhuma de mostrar as mazelas da América de hoje. A brutalidade da pregação extremista chega ao cidadão comum, que faz justiça com as próprias mãos – ou, ao menos, sua concepção de justiça.

A concepção que Billy faz de justiça também tem seus extremos. Com Facho de Luz sob custódia, ele quer usar o antigo membro dos Sete contra a Vought – mas a congressista Victoria Neuman acha que isso não é o bastante. Ele precisa ir mais fundo – mas é interrompido por uma visita paterna.

Aí aprendemos um pouco mais sobre Billy Bruto e como ele se tornou o homem que é hoje. Seu pai, interpretado pelo sempre magistral John Noble, é um homem ainda mais… bruto do que ele e também responsável pela morte do irmão que Billy idolatra. Impossível não notar o paralelo com o Capitão Pátria, também marcado pela falta de amor paterno e que, nesse episódio, tenta ser um bom pai para seu filho Ryan. Pior ainda, ele apresenta o menino para sua namorada Tempesta – e os dois têm planos para Ryan que não precisam, necessariamente, da aprovação de Becca…

Também vemos a interação entre Profundo e Trem-Bala, divertidíssima, com o herói aquático disposto a qualquer coisa para voltar aos 7 e com o velocista começando a questionar se o preço a pagar não está sendo alto demais. Já a Rainha Maeve é uma mulher quebrada pelo fim de seu relacionamento com Elena. Ainda estamos por ver a que escolhas os eventos desse episódio a levarão.

Os melhores momentos são entre Hughie e Facho de Luz, que resolvem invadir a sede da Vought para resgatar Luz Estrela. Presa em uma cela sem iluminação, que cancela seus poderes, ela está quase que literalmente à espera de um milagre. O problema é que Facho de Luz tem planos muito particulares para essa invasão, que podem colocar Hughie numa situação ainda pior que a do episódio anterior!

Finalmente, a grande cena final – impossível não comparar o julgamento com a cena do depoimento de Superman no congresso em Batman vs Superman – a Origem da Justiça. Num universo tão repleto de referências à Marvel e à DC, não é de se estranhar essa pequena pérola, cuidadosamente montada para espelhar o universo mais famoso – e falho. A grande diferença está na brutalidade de The Boys, suficiente para deixar até mesmo o Capitão Pátria e Billy Bruto atordoados.

O que esperar do episódio de semana que vem? Bom, acho que o melhor cenário é não se apegar a nenhum personagem, não dar nada como garantido e não esperar algo muito conclusivo. A terceira temporada está confirmada e muito provavelmente teremos um gancho sem solução que vai deixar todos nós roendo as unhas aflitos. Esteja aqui na sexta-feira para conferir!

Avalie a matéria

Raul Kuk o Mago Supremo

Raul Kuk - o Mago Supremo. Pai de uma Khaleesi, tutor de uma bruxa em corpo de gata.