Surfista Prateado – Escuridão

 Tá na banca esse encadernadinho do SURFISTA PRATEADO trazendo a mini série BLACK escrita por Donny Cates, com desenhos acachapantes de Tradd Moore e cores de Daves Stewart.

Um senhor gibi que agradará quem sente saudades do Surfista das antigas mas que também flerta bonito com a fase atual da Marvel.

 Se você leu GUERRA INFINITA, A ORDEM NEGRA, DOUTOR ESTRANHO – ARAUTO e GUARDIÕES DA GALÁXIA – O DESAFIO FINAL, você tá em dia com a cronologia. Se leu a fase Dan Slott/Mike Allred e gostou da arte (sobretudo das cores), se é tiozinho como eu e se lembra da fase Stan Lee/John Buscema e, principalmente, da graphic novel PARÁBOLA, também de Lee e com desenhos de Moebius, as chances de você curtir o gibi aumentam muito.

 Donny Cates está contando uma história de seu personagem predileto: o deus dos simbiontes Knull. A Marvel parece ter um plano para o vilão, criado por Jason Aaron para sua passagem pelo gibi do Thor e com sua origem aperfeiçoada pelo próprio Cates no gibi do Venom.

Em GUARDIÕES DA GALÁXIA – O DESAFIO FINAL a ORDEM NEGRA chega apavorando e joga a galera dentro de um buraco negro ou uma fenda espacial, algo assim. O Surfista salva a galera do limbo mas divide o grupo em dois. O primeiro grupo foi o que deu origem aos novos Guardiões da Galáxia nesse gibi mesmo. O segundo grupo terá seu destino revelado no segundo arco, em breve nas bancas. Já o Surfista Prateado cai em um planeta de escuridão, com um portal sendo protegido por três malucos do mal. Quando o portal se abre, Knull se revela, RÁÁÁÁÁÁÁ…..

Silver Surfer Black / Sonata | Fountain City Frequency

Você deve imaginar que uma treta se desenrolará, e vai mesmo. Mas achei sensacional a forma como Cates usa esse arco para (além de correr com seu plano para Knull), enriquecer a mitologia do Surfista Prateado nos lembrando quem ele realmente é, de onde veio, quais são seus valores e, agora, pra onde ele vai. Achei as páginas finais emocionantes…

DONNY CATES on Twitter: ""If we turn from battle because there is little  hope of victory, where then would valor be?" Silver Surfer: Parable. Stan  Lee, Moebius.… https://t.co/hhfONOE0oc"
Essa frase de autoria de Stan Leendo faz parte das referências contidas em SURFISTA BLACKEADO.

Sobre a arte: 

Tradd Moore nasceu em 87, o que é bizarro porque eu juro por Deus que reconheci influências de Joe Sacco e Robert Crumb no desenho dele. Desenhista genial com uma carreira de menos de 10 anos nas costas, o cara já publicou na Image, DC Comics, IDW e Marvel. Achei a arte sensacional, e as cores de Daves Stewart só a valorizaram.

Dessa mini, o Surfista cairá direto no evento ANNIHILATION SCOURGE, ou ANIQUILAÇÃO 2020, numa adaptação livre.

SURFISTA PRATEADO – ESCURIDÃO está a venda nas bancas e em sua loja virtual predileta.

Avalie a matéria