Review da HQ Batman / Fortnite: Zero Point #1!

Review da HQ Batman / Fortnite: Zero Point #1! Fala, popnautas amantes de FORTNITE e BATMAN! Foi lançado no dia 20 de abril a HQ tão esperada pela comunidade do FORTNITE: o crossover do Batman com o universo de FORTNITE!

Um intervalo de quase 80 anos separa a estreia de Batman e FORTNITE. O Homem Morcego fez sua primeira aparição em Detective Comics #27, em 1939, edição em que também surge um de seu principais aliados : o comissário Gordon! E é com eles que tem inicio a história Ponto Zero, ambientada no mundo de FORTNITE, o game que estreou em 2017 e, desde então, não parou de crescer!

Detective Comics #27 – 1939

É pouco provável que vocês não conheçam FORTNITE, mas vou fazer um breve resumo, se for esse o caso: trata se de um jogo de tiro cooperativo on line, de sobrevivência em terceira pessoa, em que cada participante (sozinho) ou equipe (trio ou esquadrão) coleta itens e diversos tipos de armas em uma ilha. Essa ilha é o cenário onde os jogadores lutam para sobreviver a seus adversários e a uma tempestade tóxica, que faz com que o perímetro da ilha se reduza cada vez mais, até sobrar uma equipe ou, se for solo, um jogador.

Capa e contra capa estilo canoa com verniz

A HQ tem capa tipo cartão, com verniz nas imagens em destaque.
Formato: 17X26 cm
Lombada/Encadernação: Canoa
Número de páginas: 24
Autor(es): 
Roteiro: Christos Gage
Desenho: Reilly Brown
Conceito e Consultoria : Donald Mustard (Diretor de Criação da Epic Games)

O início da história está mais explicativo, nada foi revelado. Batman foi chamado pelo comissário Gordon para investigar uma misteriosa fissura que apareceu em Gotham – ao chegar perto, ele é empurrado para a fissura por alguém misterioso! E assim começa a história, mostrando como funciona a ilha.

Pontos fortes – a história tem uma leitura bem dinâmica, com texto simplificado, ótimo para garotada que esta começado a ler HQ. A arte lembra muito os gibis dos anos 80/90.

Pontos fracos – para quem já é leitor de quadrinhos de longa data, ficamos com aquele gostinho de quero mais (tipo, “já acabou!?”). Outro ponto negativo é que está sendo muito difícil de achar essa edição em bancas de jornais e livrarias.

Mas você pode encontrar todas as edições à venda e em pré-venda no site da Panini:
https://loja.panini.com.br/panini/produto/Comics-DC-BatmanFortnite-Vol-01-69214.aspx?oid=85027

Minha conclusão é que o gibi compensa pelo seu valor de R$9,90, sem contar que você ainda ganha um código para você baixar um brinde no jogo. Nesta edição veio a skin da Arlequina! Confira o vídeo :

Agora um pequeno momento do gibi que provou uma teoria de muitos fãs:

Batman vs Midas

Midas está vivo ou será que é mais um clone criado na ilha? Mistérioooo…

E aí, popnautas, fãs de HQ e Fortnite, o que acharam deste review?

Comentem e compartilhe com seus amigos, e não esqueçam de usar o código de criador – EXCLAMATIONna loja de itens. Isso ajuda muito para que eu traga mais novidades – e não custa nada para vocês!

Confiram também :

Avalie a matéria

Ricardo Exclamation

Designer e Colunista do Popsfera, e apresentador do Zona Negativa, ele é o Joker o palhaço, mostrando que não é só o coringa que fazem as coisas acontecerem