Reboot de Mortal Kombat vai ter Fatality sim!

Um dos motivos que fizeram a franquia de games Mortal Kombat ser tão popular é a violência explícita no seu gameplay – principalmente os “fatalities”. Esses movimentos especiais no fim de uma luta permitem ao jogador arrancar a espinha de um adversário, esmagar o crânio ou incinerá-lo por completo!

Essa foi justamente a maior crítica ao filme Mortal Kombat (lançado em 1995 e sobre o qual falamos aqui) – o ótimo elenco, as caracterizações e lutas não tiveram aquele “toque de classe” garantido pelos fatalities! A continuação da franquia, que teve um segundo filme, ficou no limbo por anos, até ser anunciado o reboot!

Em uma entrevista ao site ComicBook, o ator Lewis Tan admitiu que alguns dos fatalities do filme o fizeram passar mal! Tan, que vai interpretar um personagem ainda não revelado, assegurou os fãs que o reboot do produtor James Wan vai pegar pesado: “Só digo isso, teve dias no set que eu cheguei a passar mal. Não estou brincando.”

Os comentários serviram para acalmar os fãs, já que representar os fatalities corretamente é essencial para adaptar fielmente o espírito de Mortal Kombat! HoldBL Up Up!

Avalie a matéria

Raul Kuk o Mago Supremo

Raul Kuk - o Mago Supremo. Pai de uma Khaleesi, tutor de uma bruxa em corpo de gata.