Quarentena Musical – [Dia 38] Ramones – Mondo Bizarro

Olá amigos do Popsfera, tudo bem com vocês? Sabadou de responsa com a maior banda do punk rock de todos os tempos (sorry Pistols e Clash). Hoje vamos falar de “Mondo Bizarro”, disco de 1992 dos Ramones, banda mais importante para o rock de maneira geral da sua geração.

Não preciso dizer o quanto esses caras representam uma mudança para a cultura mundial e para a música, os Ramones foram a banda que sintetizou tudo que o rock tinha de bom, cortando todas as frescuras e exageros da época e fazendo um som cru, rápido e viciante como deve ser.

Em “Mondo Bizarro”, a banda abria os anos 90 com seu primeiro lançamento de estúdio, após o bem aceito “Brain Drain” de 1989. Agora sem Dee Dee Ramone, a banda contava com o jovem CJ Ramone que já tocava há algum tempo com a banda assumindo o baixo na sua primeira gravação de estúdio; e não decepcionando nem um pouco.

Os grandes singles do disco “Poison Heart” e “Strength To Endure”, que tinha CJ nos vocais, foram muito executados nas rádios pelo mundo e MTV, ainda relevantes nas programações até hoje.

Músicas como “Censorshit” que critica a censura de maneira muito inteligente, “It’s Gonna Be Alright” com a linda mensagem de Joe Ramone para os fãs da banda, “Tomorrow She Goes Away” outro hit que entrou no setlist dos shows da banda, a divertidíssima “Touring” e a cover de “Take It as It Comes” dos The Doors fazem o disco ser imperdível e atemporal.

E foi logo nos primeiros meses de 1993 que tive a primeira experiência com “Mondo Bizarro” em cassete, que meu irmão mais velho trouxe para casa esse disco inesquecível dos Ramones. Foi amor a primeira ouvida, mesmo um garoto de 6 anos na época se emocionou por um disco de punk rock. E até hoje, esse disco é um dos meus favoritos da banda por mais que nostalgia, realmente “Mondo Bizarro” é espetacular.

Você pode ouvir esse disco nas principais plataformas digitais.

Esse post de hoje vai em homenagem a alguém que deixou esse mundo há dois meses atrás e que sem ele com certeza nada disso seria possível. Meu irmão Edenilton, saudades eternas. RIP.

Avalie a matéria

Renan Rennxxx

Fã incondicional de quadrinhos dos anos 90 (maior década), colecionador de quadrinhos, LPs e Straight Edge desde 1987. Gibis no acrílico, pizza e Anaheim Ducks são outras paixões. PMA sempre!