DC First Digital é expandida para salvar o mercado de comics

A DC Comics parece realmente empenhada em se manter viva e ativa nesse momento de pandemia, enquanto as outras editoras mantem seus votos de silencio e se compadecem da Diamond que paralisou todo o mercado de quadrinhos por ser detentora do monopólio de distribuição, a editora dos poderosos Superman e Batman trabalha para que o mercado não entre em colapso. Hoje marca um dia histórico para a editora. A linha DC Digital First – que foi responsável por gibis como Injustice, DC Comics: Bombshells e Batman: The Adventures Continue – anunciou uma grande expansão. Novos títulos com grandes artistas envolvidos.

Certamente um dos quadrinhos mais esperados

Sob o novo e robusto programa, os leitores de histórias em quadrinhos terão mais variedade de conteúdo e acesso imediato a histórias que nunca estiveram disponíveis em plataformas digitais.

“Os fãs de quadrinhos querem mais acesso ao conteúdo do que nunca”.

disse Jim Lee, editor da DC.

“Essa estratégia visa obter conteúdo diário e imediato para os fãs, e também para garantir que, quando as lojas de quadrinhos abrirem novamente para negócios, eles tenham um novo conteúdo e produto que seus clientes desejam. Enquanto isso, teremos alimentado e protegido adequadamente a demanda por quadrinhos, mantendo os fãs interessados em nossos personagens e histórias.”

A primeira semana de títulos da DC DIGITAL FIRST inclui Superman: The Man of Tomorrow, de Robert Venditti, Paul Pelletier, Drew Hennessy e Adriano Lucas, Batman: Gotham Nights, com uma história de Sal Giunta, Brad Meltzer, Jim Lee, Scott Williams e Alex Sinclair com uma segunda história de Larry Hama, Mirko Colak e John Kalisz, Wonder Woman: Agent of Peace de Amanda Conner, Jimmy Palmiotti, Inaki Miranda e Hi-Fi, Aquaman: Deep Dives de Steve Orlando, Daniel Sampere, Juan Albarran e Adriano Lucas, Flash: Homem Mais Rápido Vivo (em uma livre tradução) de Gail Simone, Clayton Henry e Marcelo Maiolo, DC Super Hero Girls: Infinite Frenemies de Amanda Deibert e Erich Owen e Swamp Thing: New Roots por Mark Russell, Marco Santucci e John Kalisz.

Essas séries são novas na DC Digital First, tendo sido anteriormente exclusivas da DC Giants.

“Eu realmente quero enfatizar que os quadrinhos impressos regularmente programados e solicitados, tradicionalmente disponíveis às quartas-feiras, continuarão disponíveis digitalmente às terças-feiras daqui para frente”, acrescentou Lee. “Por outro lado, os quadrinhos da DC DIGITAL FIRST serão lançados sete dias por semana, com uma roupagem diferente que distinguirá esses títulos das versões físicas”.

DC ESSENTIAL READS

Além disso, na segunda-feira, a DC está lançando o DC ESSENTIAL READS, uma promoção digital gratuita que fornece as primeiras edições de algumas das mais famosas graphic novels e edições coletadas na biblioteca da DC. Disponível até 8 de junho em várias plataformas digitais, os títulos do DC ESSENTIAL READS incluem Watchmen # 1 de Alan Moore e Dave Gibbons, Batman # 608 de Jeph Loeb, Jim Lee, Scott Williams e Alex Sinclair, The Sandman # 1 de Neil Gaiman e Sam Kieth, Dark Nights: Metal # 1 por Scott Snyder e Greg Capullo, Doomsday Clock # 1 por Geoff Johns e Gary Frank, Crisis on Infinite Earths # 1 por Marv Wolfman e George Perez, Mister Miracle # 1 por Tom King e Mitch Gerads e muito mais.

Como podem ver, medidas extremas necessitam de atitudes drásticas e a DC esta arregaçando a manga para manter o mercado de quadrinhos aquecidos, usando a plataforma digital que deveria estar em pleno vapor desde antes a Diamond pausar os trabalhos. As edições em quadrinhos da DC DIGITAL FIRST e DC ESSENTIAL READS estarão disponíveis nas plataformas digitais participantes, incluindo ReadDC.com, Comixology, Amazon Kindle, Apple Books e muito mais.

Avalie a matéria

Puyol Miranda

Uma simples testemunha da humanidade, que presencia todos os dias as grandes maravilhas de Deus. Além de presenciar o mais lindo momento de uma etapa de crescimento, me tornar pai. Sou analista de ti, leitor de quadrinhos, decenauta convicto e amante da tecnologia.